Casal da moda

0
editorial_atual_ (189)

Lana e Aguinaldo Aguiar, à frente da CASA 36

Conheça a trajetória deste casal que tiram de letra a relação pessoal-profissional em seu dia-a-dia.

Lana Lúcia da Silva Romão Aguiar (34) e Aguinaldo dos Reis Aguiar (40), casados há 12 anos, deixaram para trás cursos de Biologia e Economia, empregos na Secretaria de Saúde do GDF e na Administração da Rodoviária do Plano Piloto em Brasília, e a partir da experiência de sacoleiros dentro desses trabalhos, resolveram voltar para sua cidade natal, Luziânia, e abrir um pequeno espaço de atendimento dentro da própria moradia. Com o passar do tempo, e também pela qualidade que conseguiram imprimir tanto no atendimento personalizado aos clientes, quanto nos produtos com o qual sempre trabalharam, o espaço começou a ficar deveras acanhado, o que no entender dos proprietários poderia comprometer uma de suas principais metas, o bom atendimento. E foi aí que surgiu o espaço atual: uma loja ampla, confortável, e que a exemplo das roupas oferecidas, esbanja bom gosto.

Com três funcionários, Lana e Aguinaldo ressaltam as inúmeras vantagens que vêem no fato de trabalharem juntos, destacando aquela que consideram a melhor: o maior tempo de convivência, ao qual atribuem o bom relacionamento havendo cumplicidade em todos os momentos de suas vidas. E essa cumplicidade foi ampliada, e muito, com a chegada de Antônio. Com apenas seis meses, o filho do casal já exigiu algumas readaptações de rotinas, e Lana se viu obrigada a afastar um pouco dos negócios, ao menos temporariamente até que Antônio alcance menor dependência, e enquanto isso cabe a Aguinaldo o acúmulo de funções dentro da empresa. As funções deles extrapolam a simples presença na loja, pois sempre procuraram se atualizar buscando participações em feiras do setor, inclusive sempre se obrigaram a participar de pelo menos quatro showrooms por ano no Rio de Janeiro, além de comparecerem aos cursos e palestras oferecidos pelo SEBRAE, em Luziânia.

Entendem ter encontrado seu rumo profissional, e além de não pensarem em outros ramos de negócios, tem o projeto de abrir filiais em outras cidades, e principalmente sonham em criar uma loja totalmente voltada para o público infantil, a CASA 36 KIDS.

Sobre as dificuldades encontradas, nossos empresários da edição de aniversário fazem coro com a maioria dos colegas comerciantes, ressaltando a alta carga tributária e a infinidade de taxas sem sentido, a falta de mão de obra especializada, a viabilização de capital de giro e a burocracia em tudo que tenha a ver com as empresas.

E Lana e Aguinaldo fazem questão de deixar seus conselhos e sua mensagem final. “Não pensem que será fácil. Barreiras em relação ao comércio existem em demasia e para quem é pequeno tudo é mais difícil, principalmente no tocante aos créditos bancários e o peso dos tributos. Também destacamos a rivalidade entre lojistas, que a nosso ver, não precisaria existir, porque há espaço para todos. E no caso de sociedade entre casal, sugerimos que, ao fecharem a loja, deixem os problemas ali dentro para serem resolvidos no dia seguinte. E no mais aproveitem a vida fazendo o que gostam que, no nosso caso, é assistir filmes em cinemas, ir a teatros, pescar e praticar exercícios físicos, principalmente frequentar a academia de Jiu Jitsu e curtir uma Bike.”

Compartilhar:

Deixe uma resposta